Engenharia Civil: mercado de trabalho, salários e dicas

A procura por engenheiros aquece o mercado para esses profissionais.



A engenharia civil é um curso voltado para pessoas que gostam de trabalhar com números e cálculos, que gosta de acompanhar novidades tecnológicas e novas materiais, que gosta de emitir ideias e de discutir a funcionalidade e as estratégias necessárias para que uma obra seja executada de forma eficiente e sem sustos.


As áreas de atuação são extensas e dependem da matriz que você irá cursar no seu curso, mas em geral você poderá atuar em:

Geotecnia, Fundações, Construção Civil, Construção Urbana, Industrial, Empresarial e Rural, Gestão Ambiental, Cálculo estrutural, Infraestrutura e Transporte, Gerência de recursos prediais, Saneamento, Hidráulica e Recursos Hídricos, Perícia e Vistorias, Ergonomia e segurança do Trabalho, Georreferenciamento rural e topografia, Materiais de Construção.


A engenharia civil é um curso bem amplo e dentre as engenharias existentes é a que tem o maior leque de assinaturas dentro do Crea.


Um engenheiro civil é o responsável por gerenciar todo o projeto da construção de obras das mais diversas situações como: casas, prédios, estradas, pontes, viadutos, barragens, parques, museus, portos, aeroportos, dentre outros. Ele é quem faz a gerencia desde o momento da ideia do projeto até o momento de finalização e entrega da obra ao cliente final.

É esse engenheiro que cuida da parte da documentação (ou orienta corretamente o proprietário), cuida da parte de análise do solo, a ventilação do local, a tubulação, a etapa estrutural, as instalações hidros sanitárias, elétricas e telefônicas e deve ser ele quem escolhe os materiais adequados, quem contrata os profissionais que devem trabalhar na obra e que deve verificar se as Nr`s estão sendo seguidas e cumpridas.


O engenheiro civil hoje no Brasil tem um mercado de trabalho amplo, pois pode atuar em empresas privadas, públicas, terceirizadas e pode fazer a sua própria empresa prestando um serviço de consultoria, além de poder ministrar aulas em cursos de graduação e pós-graduação se tornando um docente da área.


Hoje, o CONFEA determina que o salário mínimo para que um engenheiro atue trabalhando por 40 horas semanais ou oito horas diárias seria de 8,5 salários mínimos, ou seja, pela orientação do conselho federal nenhum engenheiro deveria ganhar menos que isso e existem tabelas que auxiliam o engenheiro na elaboração de orçamentos de obras a que eles foram convidados.

Temos ainda que para egressos dos cursos de engenharia o salário pago no mercado de trabalho é bem superior à média das outras profissões. Existem pesquisas que mostram que hoje um recém-formado recebe algo em torno de 4 mil reais e após alguns anos de atuação e de experiência chegar a ganhar salários e honorários que alcançam a casa dos 5 dígitos.



O órgão que representa a classe dos engenheiros no Brasil é o CONFEA (Conselho Federal de Engenharia e Agronomia) e regionalmente os engenheiros são representados pelo CREA (Conselho Regional de Engenharia e Agronomia).


Esses conselhos regem a profissão e elaboraram o código de ética profissional do engenheiro que mostra como o engenheiro deve atuar e, além disso, são os órgãos fiscalizadores que agem sobre a profissão.


Outra vantagem grande desse conselho é a MÚTUA que é um banco voltado aos engenheiros associados a ele que oferece empréstimos para as mais diversas finalidades a juros meramente ilustrativos o que representa uma grande vantagem em seguir uma carreira de engenharia.


A engenharia civil é também um curso que não foi afetado pela crise causada pela pandemia, pois existem diversos estudos que apontam que esse mercado tem crescido e não regredido com o passar do tempo.


É importante ainda salientar que a engenharia civil é um curso de status profissional que traduz num profissional sério, inteligente, responsável, dedicado e que não será pego de surpresa durante e após a obra.


Podemos citar então que cursando a engenharia civil você será um profissional de excelência, de elite e esse status é traduzido em poucas graduações.


A engenharia civil é também uma área em que o engenheiro tem a oportunidade de crescimento e de conhecimento em múltiplas áreas e pode se especializar em áreas antes pensadas como improváveis como a produção, a qualidade, a química de materiais e a gestão de custos e de cronograma, podendo ter certificações PMI e PMBOOK.


Outra área muito procurada é a área de engenharia e segurança do trabalho em que o engenheiro civil é muito bem quisto em empresas das mais diversas atuações quando termina a pós-graduação que te dá esse título complementar.


É importante ainda relatar que o estudante de engenharia normalmente tem certo status de gênio, pois todos sabem o quanto um engenheiro civil deve estudar e saber para concluir seu curso.


E outra importante constatação é que o curso é formado por uma matriz que alinha teoria e prática em que os alunos aprendem de forma prática a importância dos conceitos estudados nas matérias teóricas e aprendem onde vão usar todas os conhecimentos adquiridos durante o curso, além de ter situações em que ele vê em visitas técnicas e no estágio obrigatório como o profissional atua e ele acompanha de perto a resolução de problemas e o uso de técnicas e estratégias na prevenção e elaboração de soluções no momento da prática do profissional em campo.


A obrigação do estágio em todos os cursos de engenharia vem exatamente para que o aluno tenha noção de como é a atuação em campo do profissional e como este trata e dialoga com o cliente, os fornecedores, os colaboradores e com todos os stakeholders envolvidos.


Para finalizar é bom salientar que ingressar na engenharia civil é com certeza uma das melhores saídas para os momentos de reflexão que o formando do ensino médio e profissionais que tem cargos técnicos ou operacionais poderem cursar para melhorar seu status e seu salário a curto prazo e essa profissão sempre atrai o interesse de pessoas que tem conhecimentos elevados, abrangentes e não polarizados e oferece uma quantidade muito grande de vagas de emprego que costumam pagar muito bem.



20 visualizações