Novembro Azul


O mês de Novembro é voltado para a campanha de prevenção ao câncer de próstata, com o objetivo de compartilhar informações, promover a conscientização sobre a doença, proporcionar maior acesso aos serviços de diagnóstico e de tratamento e contribuir para a redução da mortalidade.


O câncer de próstata é o tipo mais comum de câncer entre a população masculina, representando 29% dos diagnósticos da doença no País. Dados do Instituto Nacional de Câncer (INCA) apontam 65.840 novos casos de câncer de próstata a cada ano, entre 2020 e 2022. Homens com mais de 55 anos, com excesso de peso e obesidade, estão mais propensos à doença.


A doença é um tumor maligno, que se origina de mutações e consequente multiplicação desordenada de células da próstata, glândula masculina situada na região da pelve, que envolve parte da uretra e produz parte do sêmen.


Um levantamento do Observatório de Atenção Primária da Umane, com base em dados do Ministério da Saúde, apontou que entre os mais de 65 mil casos, o câncer de próstata registra cerca de 15 mil óbitos por ano no Brasil, que equivale a 41 mortes por dia.

Por causa da preocupante taxa de mortalidade, é importante não deixar de se consultar. Os exames, procedimentos e tratamentos para o câncer de próstata são oferecidos gratuitamente por hospitais oncológicos no SUS, o sistema único de saúde.


O diagnóstico da doença pode ser feito através de exames clínicos ou de sangue. O exame clínico é feito através do toque retal, em que o médico percebe se há alguma alteração na glândula, como a presença de caroços.


Lembre-se de que a melhor forma de prevenção do câncer de próstata é o diagnóstico precoce e a adoção de um estilo de vida saudável com a prática de exercícios físicos, alimentação balanceada, evite o consumo de bebidas alcoólicas e o tabagismo.

Previna-se!


Por Sara Ribeiro

8 visualizações

Posts recentes

Ver tudo